segunda-feira, 19 de novembro de 2012

"Ser mãe é pêra doce, mas temos que ter dentes fortes!" Crónica 14 "O tempo dos descobrimentos, 365 dias a navegar nesta primeira viagem!"

E num abrir e fechar de olhos a minha pequenicas fez um ano, o tempo voa depressa e parece que ainda foi ontem que senti o cheirinho dela, pela primeira vez...
A independência e autonomia dela crescem a olhos vistos, já não quer que a amparemos ou a ajudemos a levantar, ajuda a despir-se e a vestir-se, vai buscar o copo da agua e bebe quando tem sede, selecciona, criteriosamente, os brinquedos com os quais pretende brincar, testa os limites que lhe impomos, constantemente, com um ar deliciosamente, desafiador!
Insubordina-se com os nossos nãos, bate o pé, refila, chora e grita a plenos pulmões quando não leva a água ao moinho dela (claro que leva muitas vezes, o raio do moinho deve estar quase afogado! Sacana que sabe, tão bem, vencer-me pelo cansaço...)

Imita tudo, percebe tudo, participa em tudo o que pode!
É manipuladora, teimosa e muuuuiiiitoooo decidida!
Quando não consegue aquilo que quer com lagrimas, muda de estrategia e dá beijinhos, abraços e diz com ar apaixonado:
-Mamã, mamã, mamã...
(Sedutora, irresistível dum raio!)
Quando não quer algo diz:
-Nanana mamã!
E foge a sete pés!
Quando a agarro, porque ainda nao consegue fugir para longe, esbraceja, esperneia, arqueia-se toda para trás ao belo estilo do Exorcista e no fim, quando se vê derrotada diz:
-Já táaaaa!
(Do género já chega, sua megera sádica e violentadora de criancinhas indefesas e fofas que esguicha soro fisiologico no meu nariz, deves ser prima da Merkel, sua mãe sem coração!)

Está uma delicia, meiguinha, simpática, espertalhona, reguila...
Canta e dança a toda a hora (tem uma estranha preferência por musica pimba e musica estilo "carrinhos de choque" sempre que ouve estes dois estilos na  televisão é o delirio, pôe-se aos pulos a imitar um canguru e a abanar a cabeça ao estilo heavy metal!)

Reconhece e identifica, apontando, as diferentes partes do corpo, olhos, nariz, boca, orelhas, maminhas (loll, porque será que esta foi a primeira?), pança, umbigo, pipi (lolol não resisti...), pernas, pés e cabelo (que aponta sempre para o meu e  puxa!)
Diferencia, sem dificuldade, um gato de um cão, até em bonecos, ou desenhos!
Identifica um circulo desenhado como sendo uma bola, encaixa peças de lego grandes, abre e fecha caixas, desde que, obviamente, sejam apenas de encaixe!

E dá grandes chapadões na minha sogra...
(Adora a avó, mas da-lhe na tromba, a seguir da-lhe beijinhos e fala-lhe com carinho e baixinho, como que a dizer:
-Vá, foi sem querer, é que estava-me mesmo a apetecer, mas gosto muito de ti, não faças muitas ondas, nem reclames muito, para ver se isto passa despercebido e a mamã não me ralha ou mete de castigo!)

Ou seja, passou-se um ano e a personalidade começa a vincar, confesso que ainda me custa habituar à ideia que a Inês está a desenvolver o seu espírito critico e quer superar sozinha os seus obstáculos diários com tanto empenho e força de vontade...
Assusta-me vê-la crescer tão rápido e ao mesmo tempo é uma descoberta viciante e maravilhosa, todos os dias floresce um pouco mais da personalidade da minha filha e da pessoa que virá a ser...
E apesar dos meus medos e inseguranças, acho que estou a dar conta do recado e sinto nos lábios um sabor doce a dever cumprido neste primeiro ano que passou!
:)
Dizem que os 2 anos são de fugir (terrible two)... Com este feitio isto promete!!



Cronica 1 "Maminha minha melhor amiguinha!"
http://librisscriptaest.blogspot.com/2011/12/ser-mae-e-pera-doce-mas-temos-que-ter.html

Cronica 2 "Cócós uma paleta de cores!"
http://librisscriptaest.blogspot.com/2011/12/ser-mae-e-pera-doce-mas-temos-que-ter_13.html

Cronica 3 "Quando até o Exorcista tem graça..."
http://www.librisscriptaest.blogspot.com/2012/01/ser-mae-e-pera-doce-mas-temos-que-ter.html

Cronica 4 "A Bela Adormecida ou o Hobbit!"
http://librisscriptaest.blogspot.com/2012/01/ser-mae-e-pera-doce-mas-temos-que-ter_18.html

Cronica 5 "São dois cafés e um autocarro por favor!"
http://librisscriptaest.blogspot.com/2012/02/ser-mae-e-pera-doce-mas-temos-que-ter.html

Cronica 6 "Parto à la Carte!"
http://www.librisscriptaest.blogspot.com/2012/02/ser-mae-e-pera-doce-mas-temos-que-ter_17.html

Cronica 7 “Festival da Canção 2012”
http://librisscriptaest.blogspot.pt/2012/03/ser-mae-e-pera-doce-mas-temos-que-ter.html

Cronica 8  "Os avós no pais das maravilhas!"
http://librisscriptaest.blogspot.pt/2012_04_01_archive.html


Cronica 9 "Adios, adieu, auf wiedersehen, goodbye e depois do Adeus..."
http://www.librisscriptaest.blogspot.pt/2012/05/ser-mae-e-pera-doce-mas-temos-que-ter.html



Cronica 10 "A lebre e a tartaruga"
http://librisscriptaest.blogspot.pt/2012/06/ser-mae-e-pera-doce-mas-temos-que-ter.html



Cronica 11 "My precious..."
http://www.librisscriptaest.blogspot.pt/2012/07/ser-mae-e-pera-doce-mas-temos-que-ter.html



Cronica 12 "X-Women"
http://librisscriptaest.blogspot.pt/2012/08/ser-mae-e-pera-doce-mas-temos-que-ter.html



Cronica 13 "Há mar e mar, há ir e voltar!" 
http://librisscriptaest.blogspot.pt/2012/09/ser-mae-e-pera-doce-mas-temos-que-ter.html




1 comentário:

Rogério Paulo Peixoto disse...

Tenho a doce sensação que essa menina linda, cresce connosco em espírito. É um prazer ir acompanhando a Saga.

Mãe sofre!!